Dia Num Minuto Rubricas

Dia Num Minuto – 1 de dezembro de 2016

DiaNumMinuto_Header

Acordou à pressa, a pausa para o café foi demasiado curta e não conseguiu folhear o jornal. Os dias correm cada vez mais rapidamente e sente que não está a par do que acontece em Portugal e no Mundo? Leia os acontecimentos que hoje foram notícia.

Marcelo dirige celebrações da Restauração da Independência

Decorreram hoje, em Lisboa, as cerimónias de comemoração do Primeiro de Dezembro, chefiadas pelo Presidente da República. Marcelo Rebelo de Sousa aproveitou a ocasião para proferir um discurso, no qual afirmou que este feriado “nunca devia ter sido suspenso” por ser uma efeméride que celebra a independência e a pátria. O Chefe de Estado dividiu a independência do país nos campos da política, das finanças e da ética, e elogiou o contributo dado pelas Forças Armadas, o “garante do Estado de Direito”. O antigo Professor de Direito avisou que é necessário apostar no rigor, no crescimento e na justiça social para preservar essa independência, afastando “subserviências intoleráveis”, numa clara alusão à recente intervenção externa a que o país esteve sujeito. Uma última palavra foi dada, no campo da ética, ao respeito pelos direitos e deveres dos cidadãos e pela boa prestação dos serviços públicos.

Paulo Macedo vai chefiar a Caixa

O antigo Ministro da Saúde vai ser o novo administrador da Caixa Geral de Depósitos. Paulo Macedo formou uma equipa para constituir o novo quadro administrativo do banco, que vai amanhã ser apresentado ao Banco de Portugal. O novo cargo público do ex-governante tornou-se possível depois do pedido de demissão do antigo administrador, António Domingues, no último domingo.

Hollande não se recandidata à Presidência francesa

O ainda Presidente francês anunciou que não vai candidatar-se novamente à Presidência de França por atenção ao “interesse superior do país”. François Hollande foi eleito em 2012 e quer ficar-se pelo seu primeiro mandato, decisão que permite uma candidatura do atual Primeiro Ministro, Manuel Valls. A comunicação foi feita a partir do Palácio do Eliseu, esta tarde.

Chapecoense, vencedora da Copa Sul-Americana 2016

A Chapecoense vai ser declarada a vencedora da Copa Sul-Americana 2016, conforme alguns clubes e muitos adeptos de futebol vinham pedindo desde o trágico acidente aéreo que matou grande parte dos jogadores deste clube. A decisão foi tomada pela Conmebol e espera agora a validação final por parte da FIFA e da Confederação Brasileira de Futebol. Com este título, a Chapecoense fica com uma vaga na Taça Libertadores.

Foto de capa: Presidência da República / Rui Ochoa

 

 

Sobre o Autor

Gonçalo Esteves Coelho

Sou um poço de contradições. Não gosto de falar mas sou jornalista. Adoro escrever mas cada vez leio menos. Sou sereno mas não consigo resistir a soltar a minha alegria quando escuto música popular. Não gosto do calor mas adoro o mar português, a sua frescura, o seu sal, as histórias que tem para nos contar. Odeio tomar decisões e, no entanto, sou o CEO deste projeto.
Nasci em Lisboa, há 21 anos. O meu coração, vermelho e verde, bate por Portugal e por todos aqueles em cujas veias corre igual amor a este país, à nossa gente, à nossa cultura. Vivo perto de Sintra, esse livro de História a céu aberto, em cujos recantos gosto de me perder. Adoro museus, palácios, castelos e igrejas. Regressei ao Ensino Superior e lancei-me numa nova aventura, sem a qual não conseguiria realizar-me totalmente: o estudo da História.
Em pequeno, havia quem me dissesse que iria ser jornalista. Também me diziam que deveria ser professor de História e que tinha tudo para ser um novo José Hermano Saraiva. Se calhar sou muito transparente naquilo de que gosto, ou então essas pessoas conheciam-me muito bem. Acertaram. O que virá depois eu não sei. Escolha que caminho escolher, terei de ser eu próprio. Sempre.

Deixe um comentário