Poupar em Viagem

Nós não somos especialistas em viagens, mas consideramo-nos muito bons em economizar dinheiro durante a viagem (costumamos nos chamar de “cheap m**her f**kers”). Neste artigo, vamos partilhar as nossas principais dicas para viajar com um orçamento limitado.

Durante as nossas viagens, muitas vezes perguntam-nos como conseguimos viajar tanto. Nós temos pais ricos? Ou assaltamos um banco cada vez que queremos viajar?Hmmm … Nenhum deles! Honestamente, não há milagres … Se quiseres viajar com mais frequência ou viajar por mais tempo, só há duas coisas que podes fazer:

  • Ganhar dinheiro enquanto viajas. 
  • Gastar menos.

Nós escolhemos ambos! Há milhares de pessoas que trabalham durante a viagem, e não tínhamos ideia. Algumas pessoas encontram empregos temporários em alguns lugares, para sustentar a viagem, mas os mais interessantes são aqueles que encontram uma maneira de trabalhar on-line e financiar as suas viagens apenas com os seus computadores! Excelente, não é?

Se quiseres saber mais sobre este assunto, podes fazer o download gratuito do nosso E-book: 21 maneiras de trabalhar on-line e viajar pelo mundo.

Quando partimos para a Ásia, tínhamos um orçamento limitado, então tivemos que dominar a arte de gastar o mínimo de dinheiro possível! Na verdade, gastámos apenas 3000 € cada em 8 meses de viagem (incluindo alimentação, transporte, acomodação, voos domésticos e extras) a viver confortavelmente. Nós até comprámos a nossa camera e muitos outros luxos com esse orçamento!

Com isso, decidimos apresentar as nossas melhores dicas sobre como viajar com um orçamento limitado e aqui vamos compartilha-las contigo para que possas usá-las nas suas próximas viagens!

Procura destinos baratos!
Isso pode parecer óbvio, porque é. Estar num lugar barato é a melhor coisa que podes fazer para a tua carteira durante a viagem. E confia em nós, há sempre um lugar barato que vai satisfazer as tuas necessidades.

(Vê este artigo para ver a nossa alternativa, barata, às Maldivas – foto abaixo) 

https://www.instagram.com/p/BksZn4vHT6G/?taken-by=travelb4settle

Faz uma boa pesquisa de voos
Às vezes, nós passamos HORAS à procura de voos até arranjar um preço que nos agrade  A tentar diferentes combinações, diferentes escalas, companhias aéreas ou até mesmo destinos. Tudo para encontrar o melhor negócio! Alguns dos nossos truques são:

  • Usamos o Kiwi para voos inter-continentais e busca de rádio;
  • Usamos o Skyscanner para encontrar a companhia aérea mais barata para uma determinada rota ou para usar o recurso “Para: todo o lado”.
  • Depois de determinar a rota e as companhias aéreas, comparamos os preços entre os motores de pesquisa e o próprio site da empresa. Procuramos sempre no modo privado e tentamos diferentes dias da semana (há muitas teorias sobre isto).

 

Viajar na Época de transição

A Época de transição é basicamente o período antes e depois da época alta. Normalmente, neste período, o clima é tão bom quanto na época alta e a multidão e os preços são MUITO mais baixos. Nós não sabíamos o quão importante isto é, mas foi vital para nós e pode cortar as despesas pela metade.

Relacionado: Guia de Bali – As nossas sugestões (parte 1)

Viajar devagar

Nós amamos viajar devagar. E  a verdade é, quanto mais lento viajares, mais barato fica. Alojamento de médio e longo prazo são mais baratos do que a curto prazo. Quando ficas mais tempo num determinado lugar, começas a saber onde comer, onde fazer as tuas compras e como te movimentares da maneira mais barata possível, ou seja começas a viver como um local! Desta forma, tens também a chance de viver cada destino de uma maneira mais profunda.

https://www.instagram.com/p/BhB_VPBjx6P/?taken-by=travelb4settle

Define um orçamento diário
Este foi provavelmente um dos pontos mais importantes para conseguirmos realmente poupar em viagem. Define o teu orçamento diário, incluíndo TODAS as tuas despesas diárias e cumpre-o! Nós definimos o nosso orçamento diário para 10 €/ dia cada, e se por acaso tivéssemos que gastar um pouco mais num dia, no dia seguinte gastávamos um pouco menos, para nos mantermos fiéis ao orçamento. Sabemos que é difícil acompanhar tudo e que pode ser cansativo depois de um tempo, mas … Esse é o preço de viajar com um orçamento baixo e, eventualmente, viajar mais!

Cartão de crédito ou débito gratuito

As taxas que se pagam no estrangeiro sempre que se levanta dinheiro ou se faz um pagamento com cartão, são uma quantia razoável no final do mês! Portanto, não seria ótimo se pudéssemos cortar essas despesas!? Pois, agora já é possível! Algumas empresas como a Revolut e a Ferratum são bancos digitais que permitem que tenhamos uma conta em várias moedas, que pode ser usada gratuitamente em quase todo o lado!

Ambas estas empresas, dão-te a possiblidade de teres um cartão de crédito e nós aconselhamos-te a escolher este tipo de cartão, no sentido em que te dará outra liberdade! Por exemplo, nós usávamos o nosso cartão de crédito para várias situações de compras online (para a nossa câmara, as viagens de autocarro/comboio, etc.) e para associá-lo às nossas contas de Uber/Grab e não nos termos que preocupar em andar com dinheiro para estas deslocações.

Nós falhámos muito neste aspecto, já que não pesquisámos muito antes de sair de Portugal. No entanto, usámos outra alternativa. Usámos empresas internacionais de transferência de dinheiro, como a Money Gram e a Western Union, para levantar dinheiro transferido de Portugal. As taxas destas empresas são mais baixas do que levantar dinheiro de uma caixa de multibanco. A Money Gram tem taxas ainda mais baixas, mas é mais difícil de encontrar em qualquer cidade do Mundo.

Acomodação barata (às vezes GRÁTIS)
A acomodação é provavelmente a maior fatia das despesas de viagem no final do mês. No entanto, também é a fatia mais fácil de reduzir. Por esse motivo, quando decidimos viajar a tempo inteiro, decidimos também gastar o mínimo possível em alojamento e, de facto, poupámos mais de 600€ em alojamento em 8 meses de viagem. Estas foram as opções que usámos:

  • Couchsurfing – Comunidade de viajantes onde podes hospedar viajantes ou ficar em casa de locais gratuitamente. (Lê este artigo, se quiseres saber mais sobre couchsurfing)
  • Work Exchange – Trabalhar algumas horas a fazer qualquer tipo de tarefa (limpeza, babysitting, pintura, etc.) em troca de uma cama e (às vezes) comida. As plataformas mais conhecidas para esta modalidade são o Workaway ou WorldPackers, em ambos têm que pagar uma taxa simbólica de subscrição.
  • House/Pet Sitting – Definitivamente, o nosso favorito, com o qual poupámos mais dinheiro! Enquanto os proprietários estão longe, ficas de graça na sua casa, em troca de manter os seus animais de estimação felizes. Uma casa temporária só para ti pelo preço de algumas tarefas? Impressionante! (Obtém 20% de desconto na tua primeira subscrição na melhor plataforma de House/Pet Sitting – TrustedHouseSitters- aqui)
  • Oportunidades de última hora – Em último caso, quando queremos ficar em um Hostel ou Hotel usamos o Booking.com e quando queremos a nossa privacidade, usamos AirBnB, onde temos um apartamento totalmente equipado só para nós! (Ganha um desconto de 35€ na tua primeira reserva AirBnB aqui)
    Relacionado: Viajar quase à borlahttps://www.instagram.com/p/Bf6EIGrjbUx/?utm_source=ig_embed

 

É bom planear, mas evita as pré-reservas
Nós odiamos planos e somos totalmente contra pré-reservas. A verdade é que quando se faz pré-reservas fica-se sem flexibilidade. Se, por alguma razão, não estás a gostar do Hotel/Hostel que marcas-te  e queres sair mais cedo, ou, pelo contrário, se estás a adorar e queres ficar mais tempo, o mais provável é que para que possas ter esta flexibilidade percas dinheiro. Ou então arriscas-te a perder oportunidades. Por isso, relaxa e estuda as situações quando lá chegares

Truques no transporte
Os transportes também são uma grande despesa. Considera sempre a opção de transporte público ou aplicações de transporte como o Uber (em todo o mundo), Grab (Sudeste Asiático) ou Ola (Índia). Essas aplicações são mais baratas do que os táxis locais e muito mais seguras! Para viagens mais longas, considera comboios ou autocarros noturnos, para que possas poupar na estadia dessa noite.

Confia na street food e comida local
Não tenhas medo de ‘’comida de rua’’ ou restaurantes locais. Foi a nossa opção n1 em todos os países que fomos e a verdade é que adorámos! Os mercados de comida de rua eram os nossos melhores amigos na Ásia! É onde vais poder provar as especialidades de cada país e aos preços para locais! A tua carteira vai certamente agradecer. Além disso, é delicioso!

Aproveita as atividades gratuitas
Há sempre atividades gratuitas que tu podes aproveitar! Visitas guiadas gratuitas (que funcionam por gorjeta) são muito populares em alguns lugares (especialmente na Europa). Podes também encontrar eventos interessantes em Grupos do Facebook (basta procurar a cidade em que estás e pesquisar por ‘grupos’ no Facebook) ou ainda, em aplicações como ‘’Meet-up’’

Mercearias/supermercados 

Em vez de comer fora, basta comprar comida em supermercados e cozinhar em casa ou levar para um piquenique num sitio com uma bela vista! Quando realmente esta opção compensava, em Bali, nós acabámos a comer abacates todos os dias, em todas as refeições, e não podíamos ter sido mais felizes!

No entanto, atenção que em países como a Tailândia/Malásia, encontrámos comida mais barata nos mercados de rua (1 €/refeição), do que ao comprar na mercearia e fazer em casa!

https://www.instagram.com/p/BglfxjIArCG/?utm_source=ig_web_copy_link

O álcool é teu inimigo
Sabemos que as pessoas quando viajam tendem a festejar mais. Isso é totalmente uma escolha tua, mas acredita em nós, o álcool é um inimigo terrível para a tua carteira e, claro está, para a tua saúde. Escolhe bem as ocasiões em que queres beber e rejeita completamente o álcool nas outras ocasiões. Uma cerveja aqui e ali faz a diferença, em qualquer país.

Hidratação mais barata
Mantém-te fiél à tua garrafa de água (de preferência compra uma reutilizável e evita comprar plástico!) e reabasteçe sempre que puderes. Alguns lugares têm estações de recarga com água purificada. Mas também tens a opção de comprar o teu próprio purificador e beber água da torneira! Assim podes ficar hidratado/a, economizar dinheiro e ajudar o ambiente!

Viaja de forma mais inteligente entre os países
Se vais mudar de país em breve, faz uma análise profunda do que podes precisar, aparelhos eletrónicos, roupas ou qualquer item, e compra-os no local mais barato. Este é um princípio básico, mas acontece com frequência esqueceres-te! Por exemplo, nas ilhas, geralmente, é mais caro do que no continente e, por isso deves comprar tudo o que precisas antes de ir!

Regatear, regatear e regatear!

Isto não é possível em todo o lado, claro. Mas em alguns sítios realmente podemos negociar tudo! Pode ser desgastante, mas se aprenderes o básico e aplicares as tuas habilidades de regateio, podes divertir-te e, certamente, vai significar muito dinheiro no final do mês!

E já está! Os nossos truques todos partilhados contigo! Sabemos que não aprofundámos muito em nenhum dos pontos, mas esta é uma breve explicação de todas as nossas dicas de viagens em orçamento baixo, que usámos e continuamos a usar! Esperamos que isto te ajude de alguma forma!

Existe alguma outra dica que conheças e nós não usámos? Partilha connosco na seção de comentários!

Foi útil para ti e achas que pode ser útil para alguém que conheces? Então, por favor, partilha!

Quanto mais viajas, mais experiente te tornas. Quanto mais experiente te tornas, mais barato vai ser viajar. Quanto mais barato for viajar, mais tu poderás viajar! E assi se faz, um ciclo tão feliz!

Boas poupanças e excelentes viagens!

Com amor,

Matilde e Miguel.

Website – www.travelb4settle.com

Instagram – www.instagram.com/travelb4settle

Facebook – www.facebook.com/travelb4settle

Durante as nossas viagens, muitas vezes perguntam-nos como conseguimos viajar tanto. Nós temos pais ricos? Ou assaltamos um banco cada vez que queremos viajar?Hmmm … Nenhum deles! Honestamente, não há milagres … Se quiseres viajar com mais frequência ou viajar por mais tempo, só há duas coisas que podes fazer:

  • Ganhar dinheiro enquanto viajas. 
  • Gastar menos.

Nós escolhemos ambos! Há milhares de pessoas que trabalham durante a viagem, e não tínhamos ideia. Algumas pessoas encontram empregos temporários em alguns lugares, para sustentar a viagem, mas os mais interessantes são aqueles que encontram uma maneira de trabalhar on-line e financiar as suas viagens apenas com os seus computadores! Excelente, não é?

Se quiseres saber mais sobre este assunto, podes fazer o download gratuito do nosso E-book: 21 maneiras de trabalhar on-line e viajar pelo mundo.

Quando partimos para a Ásia, tínhamos um orçamento limitado, então tivemos que dominar a arte de gastar o mínimo de dinheiro possível! Na verdade, gastámos apenas 3000 € cada em 8 meses de viagem (incluindo alimentação, transporte, acomodação, voos domésticos e extras) a viver confortavelmente. Nós até comprámos a nossa camera e muitos outros luxos com esse orçamento!

Com isso, decidimos apresentar as nossas melhores dicas sobre como viajar com um orçamento limitado e aqui vamos compartilha-las contigo para que possas usá-las nas suas próximas viagens!

Procura destinos baratos!
Isso pode parecer óbvio, porque é. Estar num lugar barato é a melhor coisa que podes fazer para a tua carteira durante a viagem. E confia em nós, há sempre um lugar barato que vai satisfazer as tuas necessidades.

(Vê este artigo para ver a nossa alternativa, barata, às Maldivas – foto abaixo) 

https://www.instagram.com/p/BksZn4vHT6G/?taken-by=travelb4settle

Faz uma boa pesquisa de voos
Às vezes, nós passamos HORAS à procura de voos até arranjar um preço que nos agrade  A tentar diferentes combinações, diferentes escalas, companhias aéreas ou até mesmo destinos. Tudo para encontrar o melhor negócio! Alguns dos nossos truques são:

  • Usamos o Kiwi para voos inter-continentais e busca de rádio;
  • Usamos o Skyscanner para encontrar a companhia aérea mais barata para uma determinada rota ou para usar o recurso “Para: todo o lado”.
  • Depois de determinar a rota e as companhias aéreas, comparamos os preços entre os motores de pesquisa e o próprio site da empresa. Procuramos sempre no modo privado e tentamos diferentes dias da semana (há muitas teorias sobre isto).

 

Viajar na Época de transição

A Época de transição é basicamente o período antes e depois da época alta. Normalmente, neste período, o clima é tão bom quanto na época alta e a multidão e os preços são MUITO mais baixos. Nós não sabíamos o quão importante isto é, mas foi vital para nós e pode cortar as despesas pela metade.

Relacionado: Guia de Bali – As nossas sugestões (parte 1)

Viajar devagar

Nós amamos viajar devagar. E  a verdade é, quanto mais lento viajares, mais barato fica. Alojamento de médio e longo prazo são mais baratos do que a curto prazo. Quando ficas mais tempo num determinado lugar, começas a saber onde comer, onde fazer as tuas compras e como te movimentares da maneira mais barata possível, ou seja começas a viver como um local! Desta forma, tens também a chance de viver cada destino de uma maneira mais profunda.

https://www.instagram.com/p/BhB_VPBjx6P/?taken-by=travelb4settle

Define um orçamento diário
Este foi provavelmente um dos pontos mais importantes para conseguirmos realmente poupar em viagem. Define o teu orçamento diário, incluíndo TODAS as tuas despesas diárias e cumpre-o! Nós definimos o nosso orçamento diário para 10 €/ dia cada, e se por acaso tivéssemos que gastar um pouco mais num dia, no dia seguinte gastávamos um pouco menos, para nos mantermos fiéis ao orçamento. Sabemos que é difícil acompanhar tudo e que pode ser cansativo depois de um tempo, mas … Esse é o preço de viajar com um orçamento baixo e, eventualmente, viajar mais!

Cartão de crédito ou débito gratuito

As taxas que se pagam no estrangeiro sempre que se levanta dinheiro ou se faz um pagamento com cartão, são uma quantia razoável no final do mês! Portanto, não seria ótimo se pudéssemos cortar essas despesas!? Pois, agora já é possível! Algumas empresas como a Revolut e a Ferratum são bancos digitais que permitem que tenhamos uma conta em várias moedas, que pode ser usada gratuitamente em quase todo o lado!

Ambas estas empresas, dão-te a possiblidade de teres um cartão de crédito e nós aconselhamos-te a escolher este tipo de cartão, no sentido em que te dará outra liberdade! Por exemplo, nós usávamos o nosso cartão de crédito para várias situações de compras online (para a nossa câmara, as viagens de autocarro/comboio, etc.) e para associá-lo às nossas contas de Uber/Grab e não nos termos que preocupar em andar com dinheiro para estas deslocações.

Nós falhámos muito neste aspecto, já que não pesquisámos muito antes de sair de Portugal. No entanto, usámos outra alternativa. Usámos empresas internacionais de transferência de dinheiro, como a Money Gram e a Western Union, para levantar dinheiro transferido de Portugal. As taxas destas empresas são mais baixas do que levantar dinheiro de uma caixa de multibanco. A Money Gram tem taxas ainda mais baixas, mas é mais difícil de encontrar em qualquer cidade do Mundo.

Acomodação barata (às vezes GRÁTIS)
A acomodação é provavelmente a maior fatia das despesas de viagem no final do mês. No entanto, também é a fatia mais fácil de reduzir. Por esse motivo, quando decidimos viajar a tempo inteiro, decidimos também gastar o mínimo possível em alojamento e, de facto, poupámos mais de 600€ em alojamento em 8 meses de viagem. Estas foram as opções que usámos:

  • Couchsurfing – Comunidade de viajantes onde podes hospedar viajantes ou ficar em casa de locais gratuitamente. (Lê este artigo, se quiseres saber mais sobre couchsurfing)
  • Work Exchange – Trabalhar algumas horas a fazer qualquer tipo de tarefa (limpeza, babysitting, pintura, etc.) em troca de uma cama e (às vezes) comida. As plataformas mais conhecidas para esta modalidade são o Workaway ou WorldPackers, em ambos têm que pagar uma taxa simbólica de subscrição.
  • House/Pet Sitting – Definitivamente, o nosso favorito, com o qual poupámos mais dinheiro! Enquanto os proprietários estão longe, ficas de graça na sua casa, em troca de manter os seus animais de estimação felizes. Uma casa temporária só para ti pelo preço de algumas tarefas? Impressionante! (Obtém 20% de desconto na tua primeira subscrição na melhor plataforma de House/Pet Sitting – TrustedHouseSitters- aqui)
  • Oportunidades de última hora – Em último caso, quando queremos ficar em um Hostel ou Hotel usamos o Booking.com e quando queremos a nossa privacidade, usamos AirBnB, onde temos um apartamento totalmente equipado só para nós! (Ganha um desconto de 35€ na tua primeira reserva AirBnB aqui)
    Relacionado: Viajar quase à borlahttps://www.instagram.com/p/Bf6EIGrjbUx/?utm_source=ig_embed

 

É bom planear, mas evita as pré-reservas
Nós odiamos planos e somos totalmente contra pré-reservas. A verdade é que quando se faz pré-reservas fica-se sem flexibilidade. Se, por alguma razão, não estás a gostar do Hotel/Hostel que marcas-te  e queres sair mais cedo, ou, pelo contrário, se estás a adorar e queres ficar mais tempo, o mais provável é que para que possas ter esta flexibilidade percas dinheiro. Ou então arriscas-te a perder oportunidades. Por isso, relaxa e estuda as situações quando lá chegares

Truques no transporte
Os transportes também são uma grande despesa. Considera sempre a opção de transporte público ou aplicações de transporte como o Uber (em todo o mundo), Grab (Sudeste Asiático) ou Ola (Índia). Essas aplicações são mais baratas do que os táxis locais e muito mais seguras! Para viagens mais longas, considera comboios ou autocarros noturnos, para que possas poupar na estadia dessa noite.

Confia na street food e comida local
Não tenhas medo de ‘’comida de rua’’ ou restaurantes locais. Foi a nossa opção n1 em todos os países que fomos e a verdade é que adorámos! Os mercados de comida de rua eram os nossos melhores amigos na Ásia! É onde vais poder provar as especialidades de cada país e aos preços para locais! A tua carteira vai certamente agradecer. Além disso, é delicioso!

Aproveita as atividades gratuitas
Há sempre atividades gratuitas que tu podes aproveitar! Visitas guiadas gratuitas (que funcionam por gorjeta) são muito populares em alguns lugares (especialmente na Europa). Podes também encontrar eventos interessantes em Grupos do Facebook (basta procurar a cidade em que estás e pesquisar por ‘grupos’ no Facebook) ou ainda, em aplicações como ‘’Meet-up’’

Mercearias/supermercados 

Em vez de comer fora, basta comprar comida em supermercados e cozinhar em casa ou levar para um piquenique num sitio com uma bela vista! Quando realmente esta opção compensava, em Bali, nós acabámos a comer abacates todos os dias, em todas as refeições, e não podíamos ter sido mais felizes!

No entanto, atenção que em países como a Tailândia/Malásia, encontrámos comida mais barata nos mercados de rua (1 €/refeição), do que ao comprar na mercearia e fazer em casa!

<blockquote class=”instagram-media” data-instgrm-captioned data-instgrm-permalink=”https://www.instagram.com/p/BglfxjIArCG/?utm_source=ig_embed&amp;utm_medium=loading” data-instgrm-version=”12″ style=” background:#FFF; border:0; border-radius:3px; box-shadow:0 0 1px 0 rgba(0,0,0,0.5),0 1px 10px 0 rgba(0,0,0,0.15); margin: 1px; max-width:540px; min-width:326px; padding:0; width:99.375%; width:-webkit-calc(100% – 2px); width:calc(100% – 2px);”><div style=”padding:16px;”> <a href=”https://www.instagram.com/p/BglfxjIArCG/?utm_source=ig_embed&amp;utm_medium=loading” style=” background:#FFFFFF; line-height:0; padding:0 0; text-align:center; text-decoration:none; width:100%;” target=”_blank”> <div style=” display: flex; flex-direction: row; align-items: center;”> <div style=”background-color: #F4F4F4; border-radius: 50%; flex-grow: 0; height: 40px; margin-right: 14px; width: 40px;”></div> <div style=”display: flex; flex-direction: column; flex-grow: 1; justify-content: center;”> <div style=” background-color: #F4F4F4; border-radius: 4px; flex-grow: 0; height: 14px; margin-bottom: 6px; width: 100px;”></div> <div style=” background-color: #F4F4F4; border-radius: 4px; flex-grow: 0; height: 14px; width: 60px;”></div></div></div><div style=”padding: 19% 0;”></div><div style=”display:block; height:50px; margin:0 auto 12px; width:50px;”><svg width=”50px” height=”50px” viewBox=”0 0 60 60″ version=”1.1″ xmlns=”https://www.w3.org/2000/svg” xmlns:xlink=”https://www.w3.org/1999/xlink”><g stroke=”none” stroke-width=”1″ fill=”none” fill-rule=”evenodd”><g transform=”translate(-511.000000, -20.000000)” fill=”#000000″><g><path d=”M556.869,30.41 C554.814,30.41 553.148,32.076 553.148,34.131 C553.148,36.186 554.814,37.852 556.869,37.852 C558.924,37.852 560.59,36.186 560.59,34.131 C560.59,32.076 558.924,30.41 556.869,30.41 M541,60.657 C535.114,60.657 530.342,55.887 530.342,50 C530.342,44.114 535.114,39.342 541,39.342 C546.887,39.342 551.658,44.114 551.658,50 C551.658,55.887 546.887,60.657 541,60.657 M541,33.886 C532.1,33.886 524.886,41.1 524.886,50 C524.886,58.899 532.1,66.113 541,66.113 C549.9,66.113 557.115,58.899 557.115,50 C557.115,41.1 549.9,33.886 541,33.886 M565.378,62.101 C565.244,65.022 564.756,66.606 564.346,67.663 C563.803,69.06 563.154,70.057 562.106,71.106 C561.058,72.155 560.06,72.803 558.662,73.347 C557.607,73.757 556.021,74.244 553.102,74.378 C549.944,74.521 548.997,74.552 541,74.552 C533.003,74.552 532.056,74.521 528.898,74.378 C525.979,74.244 524.393,73.757 523.338,73.347 C521.94,72.803 520.942,72.155 519.894,71.106 C518.846,70.057 518.197,69.06 517.654,67.663 C517.244,66.606 516.755,65.022 516.623,62.101 C516.479,58.943 516.448,57.996 516.448,50 C516.448,42.003 516.479,41.056 516.623,37.899 C516.755,34.978 517.244,33.391 517.654,32.338 C518.197,30.938 518.846,29.942 519.894,28.894 C520.942,27.846 521.94,27.196 523.338,26.654 C524.393,26.244 525.979,25.756 528.898,25.623 C532.057,25.479 533.004,25.448 541,25.448 C548.997,25.448 549.943,25.479 553.102,25.623 C556.021,25.756 557.607,26.244 558.662,26.654 C560.06,27.196 561.058,27.846 562.106,28.894 C563.154,29.942 563.803,30.938 564.346,32.338 C564.756,33.391 565.244,34.978 565.378,37.899 C565.522,41.056 565.552,42.003 565.552,50 C565.552,57.996 565.522,58.943 565.378,62.101 M570.82,37.631 C570.674,34.438 570.167,32.258 569.425,30.349 C568.659,28.377 567.633,26.702 565.965,25.035 C564.297,23.368 562.623,22.342 560.652,21.575 C558.743,20.834 556.562,20.326 553.369,20.18 C550.169,20.033 549.148,20 541,20 C532.853,20 531.831,20.033 528.631,20.18 C525.438,20.326 523.257,20.834 521.349,21.575 C519.376,22.342 517.703,23.368 516.035,25.035 C514.368,26.702 513.342,28.377 512.574,30.349 C511.834,32.258 511.326,34.438 511.181,37.631 C511.035,40.831 511,41.851 511,50 C511,58.147 511.035,59.17 511.181,62.369 C511.326,65.562 511.834,67.743 512.574,69.651 C513.342,71.625 514.368,73.296 516.035,74.965 C517.703,76.634 519.376,77.658 521.349,78.425 C523.257,79.167 525.438,79.673 528.631,79.82 C531.831,79.965 532.853,80.001 541,80.001 C549.148,80.001 550.169,79.965 553.369,79.82 C556.562,79.673 558.743,79.167 560.652,78.425 C562.623,77.658 564.297,76.634 565.965,74.965 C567.633,73.296 568.659,71.625 569.425,69.651 C570.167,67.743 570.674,65.562 570.82,62.369 C570.966,59.17 571,58.147 571,50 C571,41.851 570.966,40.831 570.82,37.631″></path></g></g></g></svg></div><div style=”padding-top: 8px;”> <div style=” color:#3897f0; font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; font-style:normal; font-weight:550; line-height:18px;”> Ver esta publicação no Instagram</div></div><div style=”padding: 12.5% 0;”></div> <div style=”display: flex; flex-direction: row; margin-bottom: 14px; align-items: center;”><div> <div style=”background-color: #F4F4F4; border-radius: 50%; height: 12.5px; width: 12.5px; transform: translateX(0px) translateY(7px);”></div> <div style=”background-color: #F4F4F4; height: 12.5px; transform: rotate(-45deg) translateX(3px) translateY(1px); width: 12.5px; flex-grow: 0; margin-right: 14px; margin-left: 2px;”></div> <div style=”background-color: #F4F4F4; border-radius: 50%; height: 12.5px; width: 12.5px; transform: translateX(9px) translateY(-18px);”></div></div><div style=”margin-left: 8px;”> <div style=” background-color: #F4F4F4; border-radius: 50%; flex-grow: 0; height: 20px; width: 20px;”></div> <div style=” width: 0; height: 0; border-top: 2px solid transparent; border-left: 6px solid #f4f4f4; border-bottom: 2px solid transparent; transform: translateX(16px) translateY(-4px) rotate(30deg)”></div></div><div style=”margin-left: auto;”> <div style=” width: 0px; border-top: 8px solid #F4F4F4; border-right: 8px solid transparent; transform: translateY(16px);”></div> <div style=” background-color: #F4F4F4; flex-grow: 0; height: 12px; width: 16px; transform: translateY(-4px);”></div> <div style=” width: 0; height: 0; border-top: 8px solid #F4F4F4; border-left: 8px solid transparent; transform: translateY(-4px) translateX(8px);”></div></div></div></a> <p style=” margin:8px 0 0 0; padding:0 4px;”> <a href=”https://www.instagram.com/p/BglfxjIArCG/?utm_source=ig_embed&amp;utm_medium=loading” style=” color:#000; font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; font-style:normal; font-weight:normal; line-height:17px; text-decoration:none; word-wrap:break-word;” target=”_blank”>Praise the king… Avocado! 👑 What&#39;s that fruit you would &#39;kneel down&#39; to??? 😎 ⬇Let&#39;s us know in the comments 😊❤⬇</a></p> <p style=” color:#c9c8cd; font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; line-height:17px; margin-bottom:0; margin-top:8px; overflow:hidden; padding:8px 0 7px; text-align:center; text-overflow:ellipsis; white-space:nowrap;”>Uma publicação partilhada por <a href=”https://www.instagram.com/travelb4settle/?utm_source=ig_embed&amp;utm_medium=loading” style=” color:#c9c8cd; font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; font-style:normal; font-weight:normal; line-height:17px;” target=”_blank”> Travel Couple ✈ Matilde♡Miguel</a> (@travelb4settle) a <time style=” font-family:Arial,sans-serif; font-size:14px; line-height:17px;” datetime=”2018-03-21T12:50:24+00:00″>21 de Mar, 2018 às 5:50 PDT</time></p></div></blockquote> <script async defer src=”//www.instagram.com/embed.js”></script>

 

O álcool é teu inimigo
Sabemos que as pessoas quando viajam tendem a festejar mais. Isso é totalmente uma escolha tua, mas acredita em nós, o álcool é um inimigo terrível para a tua carteira e, claro está, para a tua saúde. Escolhe bem as ocasiões em que queres beber e rejeita completamente o álcool nas outras ocasiões. Uma cerveja aqui e ali faz a diferença, em qualquer país.

Hidratação mais barata
Mantém-te fiél à tua garrafa de água (de preferência compra uma reutilizável e evita comprar plástico!) e reabasteçe sempre que puderes. Alguns lugares têm estações de recarga com água purificada. Mas também tens a opção de comprar o teu próprio purificador e beber água da torneira! Assim podes ficar hidratado/a, economizar dinheiro e ajudar o ambiente!

Viaja de forma mais inteligente entre os países
Se vais mudar de país em breve, faz uma análise profunda do que podes precisar, aparelhos eletrónicos, roupas ou qualquer item, e compra-os no local mais barato. Este é um princípio básico, mas acontece com frequência esqueceres-te! Por exemplo, nas ilhas, geralmente, é mais caro do que no continente e, por isso deves comprar tudo o que precisas antes de ir!

Regatear, regatear e regatear!

Isto não é possível em todo o lado, claro. Mas em alguns sítios realmente podemos negociar tudo! Pode ser desgastante, mas se aprenderes o básico e aplicares as tuas habilidades de regateio, podes divertir-te e, certamente, vai significar muito dinheiro no final do mês!

E já está! Os nossos truques todos partilhados contigo! Sabemos que não aprofundámos muito em nenhum dos pontos, mas esta é uma breve explicação de todas as nossas dicas de viagens em orçamento baixo, que usámos e continuamos a usar! Esperamos que isto te ajude de alguma forma!

Existe alguma outra dica que conheças e nós não usámos? Partilha connosco na seção de comentários!

Foi útil para ti e achas que pode ser útil para alguém que conheces? Então, por favor, partilha!

Quanto mais viajas, mais experiente te tornas. Quanto mais experiente te tornas, mais barato vai ser viajar. Quanto mais barato for viajar, mais tu poderás viajar! E assi se faz, um ciclo tão feliz!

Boas poupanças e excelentes viagens!

Com amor,

Matilde e Miguel.

Website – www.travelb4settle.com

Instagram – www.instagram.com/travelb4settle

Facebook – www.facebook.com/travelb4settle

Sobre TravelB4Settle 30 artigos
Somos a Matilde e o Miguel, um casal de portugueses que deixou tudo para trás e decidiu seguir o sonho em comum! E que sonho é esse? Viajar a tempo inteiro e explorar todo o mundo enquanto trabalhamos online! Não, não somos especialistas em tecnologia e nunca fizemos nada online, mas, hoje em dia, tudo aquilo de que precisas é conexão à internet e uma forte vontade. Assim, podes aprender qualquer coisa e consegues o que quiseres! E isto foi o que fizemos: virámos as costas à sociedade e ao caminho tradicional (imposto por esta) e lançámo-nos nesta aventura com o objetivo principal de ajudar todos os que têm o mesmo sonho que nós! Estamos nas grandes redes sociais como “Travelb4Settle” e agora estamos no ARDINAS 24 a partilhar as nossas experiências e conhecimento sobre o mundo que andamos a descobrir! O online e o planeta terra!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.