Viajar (quase) à borla!

Vindos de uma ilha tropical, Langkawi, seguimos para uma vila numa montanha a 1500m do nível do mar, Cameron HighLands,  e depois, para completar o espectro, dirijimo-nos para uma grande cidade – Kuala Lumpur (KL), a capital da Malásia! Nós não somos muito fãs de grandes cidades, apesar de serem, normalmente, passagens inevitáveis (Entretanto já fomos a KL mais três vezes só para apanhar voos). Contudo, desta vez dirijimo-nos para a grande capital para irmos experimentar algo novo – House/Pet Sitting – um novo método de acomodação pela qual estavamos muito entusiasmados e que na verdade se veio a tornar a nossa opção favorita, de longe! Mas já falaremos disso.

Antes de tudo, deixem-nos contextualizar! Antes de ingressarmos nesta grande aventura de querer-mos trabalhar online e viajar pelo mundo por tempo indeterminado, tomámos a decisão de gastarmos o mínimo dinheiro possível. Isso incluía, claro, uma certa atenção na alimentação e transporte, mas sabíamos que onde é realmente possível reduzir bastante os custos diários é na acomodação. Normalmente a acomodação é metade dos gastos de um dia e, se pudessemos de alguma forma reduzir este custo, poderíamos aumentar drásticamente o tempo em viagem, que, no fundo, é o nosso grande objectivo!

Sinceramente, até nos consideramos algo experientes no assunto, e já usámos métodos como:

  • Couchsurfing – Provavelmente a maior comunidade de viajantes do mundo, onde basicamente existe o surfer (o viajante) que procura alguém (o host) no seu destino que aceite lhe fornecer um sofá (muitas vezes uma cama, mas o conceito é o sofá – couch), por tempo acordado. Em troca é esperado acima de tudo respeito, mas também a troca de experiências e, muitas vezes, uma amizade. Às vezes até uma família, pelo menos é o que nós sentimos após a nossa primeira experiência de couchsurfing na Índia.

  • Work Exchange – Plataformas como Workaway ou WorldPackers, possibilitam encontrar trabalho nas cidades de destino em troca de acomodação e às vezes refeições. As condições são impostas pelos Hosts e o trabalho pode ser nas mais variadíssimas áreas exigindo desde 1 a 6h diárias. Nós fizemos em Phuket, Tailândia, através do Workaway, babysitting em troca de acomodação por quase duas semanas.
  • Hostels – Ambos já trabalhamos em Hostels bem conceituados a nível mundial. E sabemos que é muito comum se poder trabalhar em hostels em troca de acomodação (a Matilde viveu num hostel por cinco meses, por 2 horas diárias de trabalho).

No fundo, estávamos dispostos a usar qualquer uma destas hipóteses para retirarmos a acomodação da conta diária! Todos estes métodos funcionam, e são opções viáveis, no entanto todas eles requerem tempo! E na verdade, entre o explorar os sítios por onde passamos e o tempo que despendemos para o TravelB4Settle (que no fundo é a nossa prioridade) não nos restaria tempo absolutamente nenhum, e portanto acabámos por nos afastar destas hipóteses!

Para nossa surpresa, num jantar de Digital Nomads em Bangkok, na Tailândia,  viríamos a descobrir uma plataforma que encaixa perfeitamente no nosso estilo de viagem! A paltaforma chama-se TrustedHouseSitters , e é a plataforma mais popular para House e Pet Sitting.

O conceito de House/Pet Sitting é simples. Basicamente, são donos de casas que precisam de se ausentar em trabalho ou férias e precisam de alguém que tome conta do seu espaço e cumpra certas tarefas, como tomar conta dos seus animais de estimação e, em vez de contratarem estranhos para estas responsabilidades ou de colocarem os animais em sitíos próprios, recorrem à plataforma de House Sitting, onde estão centenas de pessoas que se poderam disponibilizar para tal.

A plataforma é segura e super confiada pelos Hosts (os donos das casas) pois é uma plataforma baseada em Reviews (opiniões e classificações de outras pessoas) e porque a inscrição é um processo controlado.

Já usámos a plataforma 2 vezes, ambas na Malásia. A primeira por 2 semanas numa vivenda em Kuala Lumpur onde, basicamente, tomamos conta de 2 cães. Na segunda foi um pouco mais desafiante, e tomamos conta de uma quinta com 3 cães e 3 empregados por um mês inteiro!

Na prática, nós chegamos, pelo menos, no último dia dos donos em casa. Nesse dia somos introduzidos à casa, aos animais e a todas as tarefas pelas quais seremos responsáveis no período estabelecido, que pode variar entre 1 dia a 1 ano. Durante esse tempo somos donos da casa, em troca de umas pequenas tarefas. Perfeito, não? Por um tempo limitado temos um sitio a que chamar ‘casa’, uma cama fixa, uma televisão só para nós, uma sala e boa internet! Tudo isto em troca de partilharmos amor com uns animais que no fundo, também é bom pois nos lembramos dos nossos! Acima de tudo temos a liberdade que queremos e podemos dedicar o tempo que entendermos ao nosso negócio. Quando os donos voltarem, nós seguimos viagem! Chegámos até a ficar amigos da nossa primeira host, e voltámos a ficar na casa dela quando tivemos que voltar a KL. Também já temos um café combinado em Portugal, com o nosso segundo host da Malásia, que vai visitar Portugal em breve.

É, de facto, um conceito que faz todo o sentido, e temos a certeza que a sua popularidade explodirá nos próximos anos. É uma plataforma perfeita para quem tem flexibilidade e viaja a médio-longo prazo, apesar de existirem pet-sits de apenas dias, no entanto não é grátis. Tem uma anualidade de 90€ por conta, 45€ por pessoa no caso de casal. Ao inicio pode parecer muito, mas na verdade passado 1 semana já estava a compensar, pois 45€ numa semana equivale a pouco mais de 6€ por noite, o que é um preço barato de acomodação na Malásia. Ou seja, durante um ano, toda a acomodação depois dessa primeira semana é completamente grátis!

E como se não bastasse, se te inscreveres através deste link  tens 20% de desconto na tua primeira anualidade. Aproveita!

Ficámos super encantados com a plataforma. As duas vezes que usámos correram perfeitamente, e agora já temos duas avaliações de 5 estrelas! Agora sabemos que teremos muita facilidade em encontrar Pet sitting em qualquer parte do mundo.

Caso estejas a pensar viajar a médio ou longo prazo nos próximos tempos, não hesites! Experimenta TrustedHouseSitters e agradece-nos depois!

Por hoje é tudo, esperemos que tenham gostado, e que nos encontremos por este mundo fora! Claro com acomodação grátis!

Com amor,

Matilde e Miguel.

 

Website – www.travelb4settle.com

Instagram – www.instagram.com/travelb4settle

Facebook – www.facebook.com/travelb4settle

Sobre TravelB4Settle 30 artigos
Somos a Matilde e o Miguel, um casal de portugueses que deixou tudo para trás e decidiu seguir o sonho em comum! E que sonho é esse? Viajar a tempo inteiro e explorar todo o mundo enquanto trabalhamos online! Não, não somos especialistas em tecnologia e nunca fizemos nada online, mas, hoje em dia, tudo aquilo de que precisas é conexão à internet e uma forte vontade. Assim, podes aprender qualquer coisa e consegues o que quiseres! E isto foi o que fizemos: virámos as costas à sociedade e ao caminho tradicional (imposto por esta) e lançámo-nos nesta aventura com o objetivo principal de ajudar todos os que têm o mesmo sonho que nós! Estamos nas grandes redes sociais como “Travelb4Settle” e agora estamos no ARDINAS 24 a partilhar as nossas experiências e conhecimento sobre o mundo que andamos a descobrir! O online e o planeta terra!

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.