Ambienta-te – Troca a garrafa!

A água é um bem essencial à vida e representa cerca de 60-70% da composição do nosso corpo. Assim, estar hidratado é essencial. Aliás, é recomendável que um humano adulto beba cerca de 1 litro/ 1,5 litros de água por dia. Mas, para satisfazer a nossa necessidade de estar hidratados, uma quantidade alarmante de plástico é produzida.

721 milhões de garrafas de plástico são consumidas todos os anos (segundo um estudo da SAR [Seas At Risk]). A poluição por plásticos é um problema gigante – o plástico que não é reciclado acaba em aterros, demorando centenas de anos a degradar-se, contribuindo para problemas ambientais e de saúde.

Além disso, o plástico constitui cerca de 90% de todo o lixo que flutua na superfície dos oceanos, e já mais de um milhão de aves marinhas e cem mil mamíferos marinhos morrem anualmente devido à poluição de plástico nos oceanos. Além disso, os plásticos nos oceanos, como as garrafas de plástico, sofrem fragmentação física, química e biológica, que produz microplásticos que podem ser consumidos por animais marinhos, entrando assim na nossa cadeia alimentar – resumidamente, estamos a comer plástico!

Além disso, a produção de garrafas de plástico utiliza toneladas de petróleo, um recurso em crise e em escassez por ser um combustível fóssil não renovável.

As garrafas de água que compras e consomes têm apenas uma utilização, e muitas vezes esquecemos de as reciclar! Contribuindo assim para a poluição e desgaste do nosso planeta. O que sugiro? Comprar uma garrafa reutilizável, de preferência de vidro ou metal (ou plástico não PET e sem BPA’s). Com isto acredita que poupas tempo nas filas para comprar água; poupas dinheiro por comprar apenas uma garrafa que reutilizas para a vida; e, claro, poupas o ambiente!

Atualmente existem diversas garrafas ecológicas no mercado com diversos estilos. Existem ainda as chamadas “canecas que se mantêm” fechadas para, por exemplo, em cafés e bares pedires os teus sumos e cafés nesse copo e não gastares mais plástico ou papel no processo.

A água da torneira é tão boa como a água engarrafada, no entanto, se preferes água engarrafada é preferível comprar grandes garrafões de água, o plástico produzido é menor, ou optar por filtros extra na tua torneira, poupando assim bastante.

Troca de garrafa, Ambienta-te.

Foto via Google cc.

Sobre Ana Margarida Pereira 77 artigos
Mulher das Ciências de diploma e aprendiz de Comunicadora de Ciência aventuro-me pelo mundo do Jornalismo - aqui no Ardinas escrevo na secção de Ciência. Os meus traços mais peculiares, fora a personalidade, para a maioria das pessoas, é viver na Amadora, ser alérgica à canela e apesar de não ter piada nenhuma querer ser comediante.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.