Spider-Man aterra em setembro na PlayStation 4

Quem não conhece o rápido e incrível Peter Parker? Sim, esse mesmo: o Spider-Man! (ou Homem-Aranha, como preferirem). Lançado pela primeira vez em Banda Desenhada em 1962, Spider-Man continua a ser um sucesso nas livrarias, no Cinema e também no mundo do Gaming, e o novo Spider-Man chega já este ano.

Recordo-me bem do clássico Spider-Man para a PlayStation One – ainda com as caras dos bonecos aos cubinhos – e, talvez por ser um jogo que há largos anos, com toda a sua simplicidade e todas as suas falhas, me cativou, acabo por ficar feliz por saber que o género foi melhorado e que Spider-Man está de volta, desta vez na PlayStation 4 e com menos sólidos geométricos, certamente. (Gosto muito de Retro Gaming, mas podemos continuar a andar para frente!).

Se sabíamos de antemão que Spider-Man ia de facto regressar, ficamos agora a saber quando é que isso irá ocorrer. À boleia de um jogo, cujo título é só e apenas o seu nome, Spider-Man aterrará na PlayStation 4 em setembro deste ano, num novo jogo recheado de novidades, que acrescentam ação, estratégia e dinamismo ao estilo que já conhecemos e que já nos conquistou, tornando este novo Spider-Man num dos mais esperados jogos de 2018.

 

 

Em modo open world, Spider-Man (2018) surge com uma nova narrativa, que foge às habituais e já lançadas histórias em Cinema e Banda Desenhada, e oferece-nos novas ações de controlo e opções de personalização, que vão melhorar não só a jogabilidade como também a experiência global do jogo. Para quem gosta de aventura, super-heróis e jogos de mundo aberto, para percorrer e explorar, ou apenas para ‘sair daqui’ por uns minutos, aqui fica uma boa sugestão.

 

 

Desenvolvido pela Insomniac, o novo Spider-Man é um exclusivo PlayStation 4 que chega no dia 7 de setembro.

Sobre Diogo Ventura 104 artigos
Cedo percebi que o meu caminho passaria pela criatividade e pela imaginação. Comecei com desenhos e rabiscos, passei a pequenas histórias e mais tarde cheguei à publicidade e às peças de humor. Foi também desde cedo que dei por mim a mergulhar no mundo dos videojogos, quase antes de começar a andar - até porque, quando jogava, jogava sentado. Anos mais tarde, licenciei-me em Publicidade e Marketing e trabalho há algum tempo na área do Marketing e da Criatividade Digital. No Ardinas 24, já escrevi e opinei, e sou agora autor da rubrica semanal Bonus Stage, um pequeno espaço sobre videojogos e o mundo do Gaming.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.