Semana Num Minuto – 5 a 11 de fevereiro de 2018

Andamos à pressa, trabalhamos demasiado e vivemos a mil. Entretanto, o mundo vive intensamente e a informação sucede-se, mas nós não conseguimos captá-la devidamente. Sente, com razão, que não sabe o que se passa em Portugal e no Mundo? O ARDINAS 24 resolve o problema apresentando, todos os domingos, a Semana Num Minuto.

 

Portugal vence Europeu de Futsal

Voltámos a triunfar perante a Europa! A seleção portuguesa de Futsal venceu ontem o Europeu da modalidade frente à Espanha. Foi a primeira vez que a seleção ganhou esta competição, e o triunfo tem ainda mais sabor porque Portugal esteve a perder por 2-1. No entanto, a recuperação aconteceu: primeiro chegou-se ao empate, e Bruno Coelho foi o responsável pelo golo da vitória, a 56 segundos do final do prolongamento. Ricardinho, a estrela da formação, saiu lesionado do encontro, mas foi considerado o melhor jogador da competição.

 

Jogos Olímpicos aproximam Coreias

Começaram os Jogos Olímpicos de Inverno, uma edição que tem dado que falar mais em termos diplomáticos do que desportivos. A edição deste ano está a ser marcada por uma reaproximação das Coreias, expressa inclusivamente no convite de Kim Jong-un, líder norte-coreano, ao Presidente da Coreia do Sul para visitar o norte. Os dois países desfilaram debaixo da mesma bandeira na Cerimónia de Abertura, e há diálogos entre os representantes dos dois estados que estão a ser produtivos. As olimpíadas de Inverso acontecem em Pyeongchang, na Coreia do Sul.

Sobre Gonçalo Esteves Coelho 281 artigos
Sou um poço de contradições. Não gosto de falar mas sou jornalista. Adoro escrever mas cada vez leio menos. Sou sereno mas não consigo resistir a soltar a minha alegria quando escuto música popular. Não gosto do calor mas adoro o mar português, a sua frescura, o seu sal, as histórias que tem para nos contar. Odeio tomar decisões e, no entanto, sou o CEO deste projeto. Nasci em Lisboa, há 21 anos. O meu coração, vermelho e verde, bate por Portugal e por todos aqueles em cujas veias corre igual amor a este país, à nossa gente, à nossa cultura. Vivo perto de Sintra, esse livro de História a céu aberto, em cujos recantos gosto de me perder. Adoro museus, palácios, castelos e igrejas. Regressei ao Ensino Superior e lancei-me numa nova aventura, sem a qual não conseguiria realizar-me totalmente: o estudo da História. Em pequeno, havia quem me dissesse que iria ser jornalista. Também me diziam que deveria ser professor de História e que tinha tudo para ser um novo José Hermano Saraiva. Se calhar sou muito transparente naquilo de que gosto, ou então essas pessoas conheciam-me muito bem. Acertaram. O que virá depois eu não sei. Escolha que caminho escolher, terei de ser eu próprio. Sempre.

Seja o primeiro a comentar

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.